Busca
Como Investir - O Portal de Educação Financeira da ANBIMA

 Tipos de mercado 

 
 

Depois de verificar seu perfil de risco, seus objetivos e de decidir investir em ações, você precisará escolher entre adquiri-las no mercado primário ou secundário.

A forma mais conhecida de negociação de ações é aquela realizada no mercado secundário. Nesta modalidade, as ações das empresas de capital aberto já em circulação são compradas e vendidas na bolsa de valores, sem que os recursos passem pelo caixa da empresa. As negociações podem se dar também no mercado de balcão (intermediadas por bancos ou corretoras, por exemplo) ou diretamente entre os investidores, por meio de um contrato de compra e venda. Essas ações são negociadas segundo regras estabelecidas pelas bolsas.


Há ainda o mercado primário, quando a empresa lança novas ações e os investidores as compram diretamente, tornando-se sócios. Os recursos adquiridos com a venda de ações vão para o caixa da empresa.

No jargão do mercado convencionou-se chamar a criação de ações de “emissão de ações” e a aquisição dessas ações pelos investidores de “subscrição de ações”.

Quando uma empresa faz uma emissão de ações ou uma venda no mercado primário, ela está captando recursos no mercado para, entre outras coisas, financiar seus projetos e fazer investimentos. 

A empresa pode abrir seu capital (colocando ações no mercado pela primeira vez) ou fazer a emissão de um novo lote de ações (colocando mais uma parte da empresa à venda em forma de ações).

Para entender as diferenças entre mercados primário e secundário podemos traçar um paralelo com a compra de um imóvel que acabou de ser construído. Quando um comprador adquire o imóvel diretamente da construtora, ele está fazendo uma aquisição no mercado primário – e se torna o primeiro proprietário do imóvel. Quando, algum tempo depois, esse proprietário vende o imóvel para outro comprador, a operação está ocorrendo no mercado secundário. No primeiro caso a construtora recebe o dinheiro da venda, enquanto no segundo os recursos ficam com o proprietário que vendeu o imóvel.

Para comprar ações, tanto no mercado primário quanto no secundário, você deverá contar com os serviços de uma corretora de valores.

Você tem também a opção de investir em ações via fundos de ações, que são instrumentos de investimentos em forma de condomínio com uma gestão profissional.


Copyright © 2009 - Todos os direitos reservados

Licença Creative Commons

© Como Investir. O conteúdo do site Como Investir está protegido pela licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial-Sem Derivados 3.0 Não Adaptada. Você está autorizado a reproduzir o conteúdo, desde que cite a fonte original, não edite ou altere as informações e não faça uso comercial delas. Por favor, consulte o site da Creative Commons para verificar as condições legais para utilização do conteúdo.