Busca
Como Investir - O Portal de Educação Financeira da ANBIMA

 Você realmente entende de investimentos? Então, faça o teste! 

25/4/2017

 
O consultor financeiro Mauro Calil ajudou o Como Investir a montar uma breve lista com os conceitos mais necessários para poder afirmar, com certeza, que você sabe do que está falando!

Você realmente entende de investimentos? Muita gente vai dizer que sim, mas talvez não saiba ao certo o que são juros. Outras vão dizer que não, mas conhecem bastante do mercado. E você? Se bateu uma dúvida, aproveite para esclarecê-la de uma vez por todas. Com a ajuda do consultor financeiro Mauro Calil, o Como Investir montou um teste curto – mas muito revelador – sobre o assunto. E aí, que tal tentar você também?

1.      

1.       Para montar um plano de investimento, quais são as perguntas fundamentais que você deve fazer a si mesmo?

  • “Quais foram os fundos que renderam mais no último mês?”
  • “Quanto tenho? Qual meu prazo? Qual meu objetivo? Qual o risco dos investimentos que eu gostaria de fazer?”
  • “Em que é bom investir atualmente?”
  • “Que ação devo comprar na bolsa de valores?”

 

2.       Os melhores investimentos são:

  • Os que renderam bem no último mês independente do prazo e risco
  • Os que renderam bem no último ano independente do prazo e risco
  • Os que atendem meus objetivos e prazos, com o risco que eu aceito
  • Os que meus parentes ou amigos fazem e indicam

 

3.       O que são juros?

  • São o prêmio que recebo por emprestar meu dinheiro (ou que pago por tomar dinheiro emprestado)
  • São uma bola de neve
  • São o resultado de uma aplicação financeira
  • Representam a diferença matemática entre valores

 

4.       O que é liquidez?

  • É o comportamento do meu investimento na bolsa de valores
  • É a capacidade de transformar um investimento em dinheiro
  • É o que dá segurança a um investimento
  • É o que tira a solidez de um investimento

 

5.       O que diferencia a renda fixa da renda variável?

  • A renda variável não é arriscada
  • Na renda variável, o lucro é certo
  • Todo investimento de renda fixa tem garantia do Fundo Garantidor de Créditos (FGC)
  • Na renda fixa, há certa previsibilidade de rentabilidade

 

6.       Em qual alternativa há apenas produtos de renda fixa?

  • CDB, debêntures, imóveis
  • Letra de Crédito Imobiliário (LCI), Letra de Crédito Agrícola (LCA), debêntures
  • Caderneta de poupança, franquias
  • Títulos públicos, ações, CDB

 

7.       Fundos de investimentos são:

  • Sempre seguros
  • Todos iguais, o que diferencia um do outro é a rentabilidade
  • Sempre arriscados
  • Um condomínio de investidores, em que um gestor decide que aplicações serão feitas de acordo com o regulamento daquele fundo

 

RESPOSTAS

 

Resposta 1: “Quanto tenho? Qual meu prazo? Qual meu objetivo? Qual o risco dos investimentos?”

Em geral, as pessoas querem descobrir a resposta mirabolante para uma única pergunta: “Onde investir para ganhar muito sem correr riscos?” O fato é que essa resposta não existe. Não há como identificar o melhor investimento – mas sim o investimento mais adequado para você atingir seus objetivos. Não é exagero dizer que a palavra-chave para investir bem é informação. Sobre as aplicações disponíveis, sobre o que você almeja para seu dinheiro, sobre o risco que você está disposto a encarar. Portanto, inicie seu plano de investimentos fazendo seu próprio diagnóstico financeiro pessoal – e comece pelas sugestões da resposta número 2!

Resposta 2: Os que atendem meus objetivos e prazos, com o risco que eu aceito

Você precisa se sentir confortável com os investimentos que fizer. Cada investimento possui características próprias, como rentabilidade, liquidez e risco. É sempre com um olho aberto para esses atributos. Senão, você pode ser atraído para um investimento mais arriscado ou com prazos mais longos do que os que os seus objetivos comportam e acabar perdendo dinheiro.

Resposta 3: São o prêmio que recebo por emprestar meu dinheiro (ou que pago por tomar dinheiro emprestado)

Em poucas palavras, juros são a remuneração do capital. Normalmente, os juros são expressos como uma taxa periódica – ao ano, por exemplo. Em investimentos, esse conceito é importante porque sugere quanto uma pessoa vai lucrar ao fazer uma aplicação financeira.

Resposta 4: É a capacidade de transformar um investimento em dinheiro

A liquidez representa a facilidade com que se pode vender ou resgatar um investimento por um preço justo. Aplicações que sejam transformadas em “dinheiro vivo” rapidamente são consideradas de “alta liquidez”. O exemplo clássico é a poupança – você pode sacar seu dinheiro da caderneta a qualquer momento. Quando há obstáculos, diz-se que o investimento tem “baixa liquidez”. De que tipo de obstáculos estamos falando? As carências, por exemplo. Alguns fundos, CDBs ou letras de crédito (como as LCIs e LCAs) são oferecidas aos investidores com a condição de que o dinheiro só possa ser resgatado dali a algum tempo. Se quiserem sacar antes dos 30, 90 ou seja lá quantos dias de carência o produto tiver, precisarão pagar uma espécie de “multa” ou não receberão a rentabilidade integral da aplicação. Esse conceito também é aplicável ao mercado de ações – papéis que são populares na bolsa de valores, negociados todos os dias, têm alta liquidez, enquanto aqueles menos conhecidos, negociados apenas de vez em quando, têm baixa liquidez.

Resposta 5: Na renda fixa, há certa previsibilidade de rentabilidade

Pois bem, eis aí a principal característica dos papéis de renda fixa: eles oferecem uma remuneração em condições e prazos preestabelecidos. O valor final pode mudar, mas a condição não. Isso significa que no dia do vencimento desses papéis, o investidor recebe de volta o capital que aplicou inicialmente mais o rendimento da operação, que pode ser uma taxa (Selic, IPCA etc.) mais um percentual. Mesmo que o valor da taxa em questão varie, a condição de que é essa taxa que você vai receber não muda. Na renda variável, por sua vez, não é possível dimensionar qual será o rendimento logo no momento da aplicação. É o caso das ações, por exemplo. É impossível saber, hoje, quanto elas estarão valendo amanhã.

Resposta 6: Letra de Crédito Imobiliário (LCI), Letra de Crédito Agrícola (LCA), debêntures

Se você acertou essa, parabéns! É sinal de que já está familiarizado com alguns termos bem específicos do mundo dos investimentos. As letras de crédito – imobiliário e agrícola – são papéis de renda fixa normalmente emitidos por bancos, que têm como principal vantagem o fato de serem isentos de Imposto de Renda. Já as debêntures são títulos de renda fixa emitidos por empresas para captar recursos para realizar seus investimentos e projetos. (As outras alternativas de respostas também incluem investimentos de renda fixa. Você sabe quais são?)

 

Resposta 7: Um condomínio de investidores, em que um gestor decide que aplicações serão feitas de acordo com o regulamento daquele fundo

Um fundo funciona como um prédio, onde cada condômino é dono de uma cota (um apartamento) e paga alguém (jardineiro, faxineira, porteiro ou técnico de elevadores, entre outros) para realizar as diversas tarefas relacionadas ao condomínio. Há regras de funcionamento (como o horário de uso da piscina ou do salão de festa), que devem ser seguidas por todos os moradores – sem exceção. No fundo, os cotistas (os moradores) compram cotas e pagam uma taxa a alguém (o administrador) para coordenar as tarefas do fundo e gerir os recursos no mercado. Eles precisam aceitar suas regras de funcionamento e tem os mesmos direitos entre si.


Avaliação:
Comentários postados (6)
Por: jacheline nascimento em 3/7/2017 às 17:41
Gostei! Esse método foi incrível para me tirar algumas dúvidas.
Por: Camila Jacques em 7/5/2017 às 20:12
quer saber tabela???
Por: Manoel Candido em 3/5/2017 às 18:01
Gostei do Quiz,pois aprendi muito com ele,quer dizer muitas coisas que eu não sabia,eu aprendi com ele. Pois,bem que vcs poderiam fazer sempre,pois é muito interessante esse tipo de aprendizado. Parabéns para toda a equipe.Fiquem com Deus.
Deixe seu comentário
Nome  
  E-mail   
Comentário  
500 | Máximo 500 caracteres



Copyright © 2009 - Todos os direitos reservados

Licença Creative Commons

© Como Investir. O conteúdo do site Como Investir está protegido pela licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial-Sem Derivados 3.0 Não Adaptada. Você está autorizado a reproduzir o conteúdo, desde que cite a fonte original, não edite ou altere as informações e não faça uso comercial delas. Por favor, consulte o site da Creative Commons para verificar as condições legais para utilização do conteúdo.